Carro manual x Carro automático

Na hora de comprar um carro, pode aparecer a dúvida: automático ou manual? O primeiro é um pouco mais caro do que o segundo, mas oferece mais conforto e praticidade, principalmente para quem encara o trânsito das grandes cidades. No entanto, há quem goste de “sentir o carro” e, por isso, não abre mão da troca de marchas do modelo manual.

Veja como funciona cada modelo e tire suas dúvidas.

Como os câmbios manual e automático funcionam

A caixa de câmbio é uma das peças mais importantes do carro. Ela faz parte do sistema de transmissão do veículo junto com a embreagem, o eixo de transmissão e outros componentes. Na prática, a grande diferença entre os dois modelos é a ausência da embreagem no manual e a existência da peça no automático.

No primeiro, você, motorista, é quem faz as trocas das marchas por meio do pedal e da alavanca. No segundo, as mudanças são realizadas pelo próprio sistema, de acordo com a velocidade.

Diferentemente do câmbio manual, em que as marchas variam de 1ª a 5ª, além da ré, no automático, elas costumam aparecer em letras representando as funções. Alguns modelos oferecem ainda mais marchas, portanto, é fundamental verificar o manual do motorista antes de dirigir.

Controle x Conforto

Já imaginou não precisar se preocupar se o carro vai morrer na ladeira ou trocar a marcha nos congestionamentos? Quem dirige muito pela cidade enxerga o câmbio automático com uma grande vantagem em relação ao conforto, pois as únicas preocupações são: acelerar, manobrar e frear.

 

Por outro lado, o carro manual oferece um controle maior, permitindo que a motorista decida o momento em que a marcha será trocada. É ideal para pessoas que gostam de dirigir ou de um estilo mais esportivo, já que o veículo tem melhor desempenho em ultrapassagens.

Consumo e manutenção

Por exigir uma rotação mais alta do motor, o consumo de combustível do carro automático tende a ser maior. Custos de manutenção e reparo de peças do câmbio automático também costumam ser mais elevados do que o manual. A dica é sempre consultar uma oficina especializada e de confiança.

Como você pode notar, não é possível dizer que um modelo é melhor do que o outro. A escolha pelo carro automático ou manual depende diretamente do perfil e das necessidades da motorista. Mas, vale aqui um conselho: se você estiver mudando de uma opção para a outra, redobre ainda mais atenção no trânsito no período inicial, pois é normal estranhar as diferenças.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: