Descubra a melhor posição para seu corpo quando for dirigir

Para dirigir é preciso saber muitas coisas, entre elas a posição correta do corpo do motorista no banco do veículo. É algo simples, mas que, muitas vezes, não é levado a sério por muitos condutores. Estar muito perto ou longe do volante, por exemplo, pode atrapalhar o desempenho do motorista na direção.

Por isso, antes de sair com o carro, certifique-se se os seus braços estão ligeiramente dobrados em relação ao volante. Eles não podem estar nem totalmente esticados nem muito dobrados. A posição correta corresponde como o horário das 10h10 (imaginem como ficam os ponteiros de um relógio).

“Caso o motorista dirija com o corpo muito próximo ao volante, há chances de ele não ter o controle de uma manobra que venha a fazer, e acabará não tendo o domínio completo do automóvel”, alerta Cleiton Silva, diretor de um Centro de Formação de Condutores em Paraty (RJ).

Em relação às pernas, o motorista precisa estar numa posição que ele consiga pressionar com o pé esquerdo o pedal da embreagem até o final sem que as costas saiam do banco. Se o joelho ficar muito próximo do volante, isso poderá dificultar a maneira de dirigir.

O diretor também explica que a parte superior do corpo deve estar inclinada para atrás até formar, aproximadamente, 110° em relação à parte inferior do corpo.

“Se o banco do motorista estiver muito deitado, ele ficará mais vulnerável caso exista uma colisão ou choque. Por isso, o condutor precisa estar na posição correta no banco para que o encosto de cabeça absorva o impacto causado pelo efeito chicote (vai-e-volta para frente e para trás)”, ressalta Cleiton.

A fisioterapeuta Daguilanda Fabiano também alerta que alguns problemas na saúde podem ser ocasionados por dirigir frequentemente em posição errada.

“Se o motorista tem o costume de sentar muito próximo ao volante poderá sentir dores na coluna dorsal (metade das costas) e cervical (entre o pescoço e os ombros) por causa da tensão muscular”, explica a fisioterapeuta.

Daguilanda também destaca que se o condutor deixar o corpo muito distante do volante, ele não apoiará a coluna corretamente no banco:

“Provavelmente, estará sentado em cima do sacro (osso da bacia), sendo que o correto é sentar nos ísquios (ossos que compõem a parte inferior do quadril). Caso esteja posicionado erroneamente, forçará a coluna lombar, o que tem grandes chances, a longo prazo, de desenvolver hérnia de disco, causando dor e deixando-o incapacitado”.

Fonte: Petrobras de Carona com Elas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: